8º Encontro Nacional de Veículos Antigos de Teutônia

//8º Encontro Nacional de Veículos Antigos de Teutônia

8º Encontro Nacional de Veículos Antigos de Teutônia

Final de semana especial para os apaixonados pelo antigomobilismo

Evento reuniu cerca de 500 veículos e atraiu público superior a 15 mil pessoas

 

Teutônia foi palco de um dos mais importantes eventos de antigomobilistas do Estado no último final de semana, dias 24, 25 e 26 de maio, quando ocorreu o 8º Encontro Nacional de Veículos Antigos. O museu sobre rodas, formado por cerca de 500 relíquias do milênio passado, atraiu público superior a 15 mil pessoas ao Centro Administrativo Municipal, principalmente na tarde de domingo. O evento também marcou as comemorações pelos 32 anos de Teutônia e, em função disso, teve a sua realização transferida do tradicional mês de março para o mês de maio.

“Desde a primeira edição do encontro, realizada no ano de 2002, Teutônia tem recebido muito bem os antigomobilistas. É um município maravilhoso, com belezas ímpares e um povo acolhedor. E não foi diferente em 2013, quando mais uma fez o tempo colaborou e tivemos excelente participação de colecionadores e do público”, avaliou o coordenador geral do evento, Eugênio Tramontini, adiantando que o encontro deve voltar ao mês de março na próxima edição. “O mês de março é tradicional para o encontro de Teutônia, os antigomobilistas já se prepararam para vir para cá após as férias de verão.”

O presidente da CIC Teutônia, organizadora do evento, Ivandro Rosa, enalteceu o valor cultural do encontro teutoniense. “Trata-se de uma opção diferenciada de entretenimento e aprendizado, com a possibilidade de se fazer novas amizades e conhecer mais sobre a história mundial dos automóveis. Uma das maiores emoções é ter a sensação de viajar no tempo, voltar ao passado. Estamos muito felizes com o encontro deste ano”, avaliou, agradecendo a todos os parceiros envolvidos na organização.

O vice-prefeito de Teutônia, Evandro Biondo, adiantou que o encontro já integra o calendário de eventos do município. “Esta programação é diferenciada e contribui para atrairmos turistas, além de movimentar a nossa economia. Estamos sempre de coração e portas abertas a receber os visitantes, por isso somos a cidade que canta e encanta e a terra do cooperativismo, em que a união de esforços nos possibilitou ser destaque também na organização de eventos como o Encontro Nacional de Veículos Antigos.”

 

The Best Teutônia 2013

Ao final do evento, na tarde de domingo, foram entregues troféus aos expositores destaque e parceiros. Entre os premiados, o que recebeu mais elogios foi o Ford Skylainer 500, ano 1958, de Victor Luís Arnold, de Novo Hamburgo. Ele recebeu o troféu The Best Teutônia 2013.

Estacionado em frente à sede da CIC Teutônia, os detalhes cromados e as cores azul e branca davam um brilho especial. Mas o maior atrativo para os visitantes, sem dúvida, era a capota retrátil. Fabricado nos anos de 1957 e 1958, o Skylainer está equipado com o poderoso motor interceptor, utilizado pelos automóveis da polícia da época.

Verdadeiro apaixonado por veículos antigos, Arnold não escondia a satisfação em ter um de seus 28 automóveis como o maior premiado deste ano no encontro de Teutônia. “Desde a primeira edição tenho participado do evento, um dos melhores do Estado. Anualmente trago um carro diferente e este ano o Skylainer fez sucesso. Já havia sido premiado em Teutônia, mas esta é a primeira vez que fico com o troféu máster. O reconhecimento é muito importante, pois dedico boa parte do tempo livre à família e ao hobby de carrosantigos”, divertia-se, falando da dedicação e dos investimentos.

Além do Skylainer 500, Arnold, que esteve acompanhado do filho Ismael e integra o Veteran Car Club de Novo Hamburgo, também trouxe para Teutônia um Chevrolet El Camino 1969, que ficou com o troféu destaque Contemporâneo Norte América 1958-1980.

O industriário é um apaixonado pelos carros das décadas de 50 e 70, mas o mais antigo na família é de 1923, um Packardt 12 cilindros, automóvel raro. Na coleção ainda estão vários Cadillac.

 

Premiação

Na categoria veículo mais antigo presente ao encontro foi premiado o Ford Modelo T, ano 1923, de Raimundo Spielmann, de Lajeado. O troféu de destaque originalidade automóvel foi entregue para o Ford Landau 1980, de Flávio Dunke, e o de originalidade utilitário foi para o Chevrolet C10 1975, de Pedro Flores. O prêmio de melhor restauração ficou com a Willys Gordini 1967, de Eriberto Bacin, e o Fiat 600, ano 1962, de Roberto di Bortoli, foi o destaque minicarro.

Entre outras categorias de premiação ainda estiveram destaques das décadas de 20, com o Ford Roadster 1929, importados, nacionais, utilitários, conversíveis cupê, sedan, esportivos, motocicleta, entre outros, totalizando 31 troféus.

“O nível dos veículos que participaram do encontro foi excelente, todos foram merecedores de premiação”, definiu o integrante da comissão avaliadora, Sérgio Antônio Cemin.

Participaram do evento antigomobilistas de todas as regiões do Rio Grande do Sul, além de representantes de Santa Catarina e do Paraná, com expositores individuais e clubes.

 

Programação variada

A infraestrutura do local contou com praça de alimentação, com recepção especial para os expositores com café da manhã, palco para shows, mercado de peças e memorabília, exposições comerciais e artesanato, além da presença dos ônibus de Grêmio e Inter. A programação também teve shows de bandas e artistas locais e, na noite de sábado, dia 25, a atração principal foi o show com Johnny Presley e Banda Burning Love, cover de Elvis Presley. Os visitantes também puderam conhecer um pouco mais das belezas teutonienses com passeio pela Rota Germânica, além de visitação ao Museu Henrique Uebel.

O 8ª Encontro Nacional de Veículos Antigos de Teutônia foi organizado pela CIC Teutônia, com a parceria da Prefeitura de Teutônia e o apoio da Federação Brasileira de Veículos Antigos, com a coordenação geral de Eugênio Tramontini.

 

 

CRÉDITO DAS FOTOS E TEXTO – Leandro Augusto Hamester

2017-01-23T16:28:52+00:00maio 27th, 2013|Notícias|